Notícias

COVID-19 coloca grandes primatas e macacos em perigo

Postado em 20/03/2020


(PASA)

Da PASA – Aliança de Santuários Pan Africanos

Essa é uma das cartas mais difíceis que já tivemos que escrever. Nossos corações e pensamentos se voltam para você e seus entes queridos que podem ser afetados pelo COVID-19. Ao mesmo tempo, preciso lhe dizer que o surto criou uma ameaça sem precedentes para muitos dos grandes primatas e macacos nos santuários membros da PASA em toda a África.

Por causa de fronteiras fechadas e restrições de viagens, os santuários estão enfrentando severa escassez de suprimentos médicos, veterinários e voluntários para prestar cuidados aos animais. Preocupamo-nos que em breve eles tenham dificuldades para conseguir comida para os animais por causa de interrupções nas cadeias de suprimentos.

Os grandes símios – todos ameaçados de extinção – são extremamente vulneráveis ​​a vírus de humanos. As doenças contagiosas são uma grande ameaça à sua existência. Neste momento de incerteza, os membros da PASA estão trabalhando sem parar para manter os primatas e as pessoas que cuidam deles em segurança.

O impacto do COVID-19 está ameaçando a própria existência de serviços prestados pelos membros da PASA, Vervet Monkey Foundation, Chimpanzee Conservation Center, Lilongwe Wildlife Trust, Sweetwaters Chimpanzee Sanctuary, Colobus Conservation, Limbe Wildlife Centre, Sanaga-Yong Chimpanzee Rescue, Chimp Eden, Tacugama Chimpanzee Sanctuary, and Lola ya Bonobo, entre outros.

Esses santuários em toda a África cuidam de um grande número de primatas – muitos dos quais superaram probabilidades incríveis de se recuperar de abusos e ferimentos hediondos.

Leia mais e veja como ajudar.