Notícias

Chimpanzé ataca mulher e é morto a tiros nos Estados Unidos

Postado em 24/06/2021


O chimpanzé Buck era mantido por 17 anos como animal de estimação por uma família nos Estados Unidos e no domingo, 20, o inevitável aconteceu: ele fugiu, atacou suas donas e acabou sendo morto pela polícia.

Esta tragédia anunciada infelizmente é recorrente em situações em que se insiste em manter chimpanzés como pets. A família já havia sido alertada sobre a necessidade de transferir Buck para um santuário, mas isso nunca foi feito.

“Ataques de qualquer primata de propriedade privada em cativeiro devem ser esperados porque esses animais não vivem vidas saudáveis onde podem expressar seus desejos naturais e se envolver em comportamentos naturais”, disse Erika Fleury, diretora de programa da North American Primate Sanctuary Alliance, ressaltando que o comportamento era esperado.

Leia abaixo a matéria do UOL sobre o caso.

Descanse em Paz, Buck.

_____

Um chimpanzé mantido como animal de estimação acabou morto a tiros em Oregon, nos Estados Unidos, depois que o animal se soltou da área em que era mantido, atacando a filha de sua dona com mordidas nos braços, pernas e torso. O caso aconteceu no domingo (20) e foi divulgado pela Fox News. Quando a polícia chegou na residência, na cidade de Pendleton, a vítima, de cerca de 50 anos, havia se escondido no porão da casa.Com a fúria do primata, os agentes não conseguiam chegar ao local para oferecer socorro, foi então que a proprietária do macaco, Tamara Brogoitti, de 68 anos, autorizou que eles atirassem no animal, que se chamava Buck…. –

Veja mais em https://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2021/06/22/chimpanze-ataca-mulher-e-e-baleado-fatalmente-nos-estados-unidos.htm?cmpid=copiaecola