Notícias

Vitória em São Roque

Postado em 06/11/2013

roque
Foto: Reprodução/ G1

Se alguém tinha alguma dúvida de que o Instituto Royal era uma fachada para um centro de tortura de animais, que oferecia serviços para conglomerados multinacionais, que vendem cosméticos e testavam a toxicidade de seus componentes nos cachorros beagles lá existentes, após ler o trabalho publicado pelo professor aposentado da Unicamp, Carlos Alberto Lungarzo, também publicado na ANDA, já não existe mais nada a esclarecer.

Aquele centro de tortura de animais, construido com dinheiro muito possivelmente a fundo perdido do erário público, via FINEP, era um negócio, com fachada científica, que escondia um sujo trabalho de exploração de testes biomédicos em animais.

A confirmação horas atrás do encerramento das atividades do chamado Instituto deixa claro que lá nunca se pesquisou contra o câncer nem sobre doença nenhuma e o que se fazia, era vender serviços de testes de toxicidade de componentes químicos de cosméticos e produtos relacionados.

A vitória que representa o fechamento do Centro de Tortura de São Roque para todos que lutam contra o uso de animais em experiências biomédicas tem um significado especial. Aqueles centros, como o de São Roque, que ainda insistem em torturar seres inocentes para ganhar dinheiro, tem os dias contados. A sociedade já amadureceu, sabe que nada disso se faz necessário e hoje existem métodos alternativos de laboratório para fazer esses testes, além do uso de voluntários humanos, como revela o Jornal Valor, em sua edição 677 – “O Laboratórios da Vida” – em que só no Brasil mais de 1 milhão de pacientes-testes se submetem a experiências clínicas com drogas experimentais.

O exemplo que a sociedade brasileira está dando ao mundo, fechando compulsoriamente e resgatando das garras dos torturadores dezenas de animais inocentes, marcará esta luta que hoje se estende pelo mundo, até conquistar e erradicar do nosso Planeta a tortura e os torturadores de animais, disfarçados de cientistas.

Dr. Pedro A. Ynterian

Presidente, Projeto GAP Internacional

Notícia relacionada:

http://www.projetogap.org.br/noticia/carta-apoio-projeto-gap/

http://www.anda.jor.br/06/11/2013/instituto-royal-encerra-atividades-sao-roque-sp

 



+ Notícias

Após algumas semanas de preparação, deu-se início ao maior resgate individual que o Santuário de Primatas e Felinos de Sorocaba, [...]

21/10/2014

A Organização NEAVS, que alguns anos atrás lançou o Projeto R&R para libertar chimpanzés em laboratórios de tortura médica Norte-Americanos [...]

16/10/2014

A medida que as florestas africanas desaparecem, a uma velocidade inusitada, as comunidades de chimpanzés de vida livre ficam mais [...]

16/10/2014

Texto do Primatólogo José María Bermúdez de Castro – Assessor Científico do Projeto Gran Simio (GAP/ PGS da Espanha) Se [...]

15/10/2014

O CONCEA (Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal) é um órgão do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) [...]

14/10/2014

Veterinária(o) para residir no Santuário do GAP em Sorocaba, enviar curriculum vitae para o e-mail projetogap@projetogap.org.br   Equipe Projeto [...]

14/10/2014

PREJUDICIAL A HUMANOS E ANIMAIS Zoológicos tentam esconder a crueldade do cativeiro por trás de uma máscara de “educação para [...]

09/10/2014

Quinze anos atrás, quando entrei no mundo dos primatas não humanos, comecei a me desiludir dos zoológicos, que até esse [...]

08/10/2014

Cinco dos candidatos recomendados por organizações ambientalistas, que divulgamos neste site dias antes da eleição do dia 5 de outubro, [...]

07/10/2014

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) transferiu nesta quarta-feira (1º) sete tigres que viviam [...]

03/10/2014