Notícias

O sonho realizado

Postado em 03/09/2013


Peter Singer, Suzi e Pedro Ynterian

Vinte anos atrás, Peter Singer e Paola Cavalieri lançaram ao mundo a primeira Declaração da Defesa dos Direitos dos Grandes Primatas. Uma elite dos mais reconhecidos antropólogos, filósofos, biólogos e pensadores da época assinaram a mesma. Para consolidar aquela ação, um livro foi publicado, editado por Peter e Paola, sob o título The Great Ape Project, onde os Direitos dos Grandes Primatas eram defendidos por todos os assinantes da mencionada Declaração, que figurava com destaque no texto.

Aquela ação teórica se converteu meses depois em prática, com a formação do Projeto GAP, sendo Peter Singer seu principal mentor. Durante a memorável visita que fez ao Santuário de Grandes Primatas de Sorocaba, no dia 29 de agosto passado, Peter se emocionou ao dizer que lá estava enxergando um de seus sonhos realizados.

Poucas pessoas, incluindo as mais informadas da temática ambiental, sabiam que Peter Singer tinha criado o Projeto GAP e sido seu Presidente. Um dos motivos que nos impulsionou a fazer o encontro com ele no Santuário, com a presença de um grupo selecionado de ambientalistas e defensores da causa animal, foi mostrar a todos que os fundamentos do Projeto GAP são profundos, sólidos e respaldados pelas mentes científicas mais avançadas do nosso mundo atual.

Quatorze anos atrás, um pequeno bebê chimpanzé entrou em nossa vida, transformando-a como ninguém poderia imaginar. Aquele chimpanzé, de nome Guga, deu origem ao Santuário de Grandes Primatas de Sorocaba, que o filósofo Peter Singer acaba de visitar; e lá foi recebido de braços abertos por uma das filhas de Guga, Suzi, de dois anos de idade, que se atirou em seus braços como se o conhecesse por toda a vida.

Peter Singer viu no gesto desinibido e espontâneo daquele pequeno bebê chimpanzé que sua iniciativa de 20 anos atrás não foi em vão. Talvez não foi em sua terra australiana, nem nos Estados Unidos, onde o Projeto surgiu. Mas foi num país gigante e distante, povoado da maior diversidade de primatas do Planeta, que a profecia que ele relatou em 1993 se materializou e alguém, seguindo seu ideal, criou um lar onde os grandes símios, explorados, torturados, machucados em seu espírito e em seu corpo, conseguiram um refúgio de paz, decência e amor, onde podem viver sem temor entre seus iguais, exercendo, pela primeira vez na Terra, os seus direitos como pessoas neste mundo injusto e cruel, que os levou à beira da extinção.

Sabemos que Peter Singer se realizou quando viu um de seus sonhos convertidos em realidade e viu também que nem tudo está perdido, que existem seres humanos dispostos a lutar contra todos os obstáculos para defender os princípios e os direitos inalienáveis de todos os seres vivos, independente de sua espécie neste Planeta em que todos nós habitamos.

Dr. Pedro A. Ynterian
Presidente, Projeto GAP Ynterian

Fonte:
http://www.anda.jor.br/02/09/2013/o-sonho-realizado




+ Notícias

LUTO Em uma época em que o filme King Kong era referência em gorilas, Koko transformou a visão das pessoas [...]

21/06/2018

ÚLTIMA CHANCE Após uma vida de prisão e exploração Sumomo morre ao tentar fugir 20/06/2018 às 06:20 Por Eliane Arakaki, [...]

20/06/2018

CRUELDADE O autor do documentário, Ulrich Seidl, afirma que as bárbaras matanças de animais são sinais da degeneração da humanidade [...]

20/06/2018

AUDIÊNCIA PÚBLICA O PL que proíbe zoológicos e aquários determina que os animais sejam prioritariamente libertados no habitat ou levados [...]

19/06/2018

MAUS-TRATOS Os animais explorados pelo Dade City’s Wild Things morreram após serem transportados de forma inadequada. 19/06/2018 às 07:30 Por [...]

19/06/2018

ESTADOS UNIDOS Menos de três meses após sofrer uma lesão “horrível” em sua barbatana dorsal, Katina aparentemente já está se [...]

13/06/2018

ABUSO Em decorrência da divulgação de irregularidades no Zoológico de Sorocaba, também chamado de Parque Zoológico Municipal Quinzinho de Barros, [...]

12/06/2018

BUSCA POR LIBERDADE Um morador da cidade alertou as autoridades sobre a presença do animal em área urbana após vê-lo [...]

12/06/2018

Em homenagem ao nosso querido Guga, que nos deixou há pouco mais de uma semana, criamos uma página em nosso [...]

05/06/2018

Com um aperto no coração, Roberto Tripoli despede-se e homenageia GUGA YNTERIAN (2009-2018), esse meninão lindo, um guerreiro querido, que inspirou seu [...]

30/05/2018