Notícias

GAP Espanha nomeia a lendária Biruté Mary Galdikas como presidente de honra

Postado em 18/08/2018


Galdikas (PGS)

O Great Ape Project Espanha nomeou, após seu consentimento, Birute Mary Galdikas como presidente de honra da organização. Galdikas é uma das três mulheres que o antropólogo Louis Leakey escolheu para o estudo de campo dos grandes símios e hoje é a única que permanece em campo em defesa dos orangotangos na ilha de Bornéu (Indonésia).

O trabalho de Galdikas é essencial para proteger os orangotangos que consistem em três espécies diferentes, a última Tapanuli, recém-descrita pela ciência e encontrada em Sumatra com uma população de menos de 800 indivíduos. Esta espécie também está ameaçada e a construção de uma usina hidrelétrica  na localidade significa que 30% da floresta em que estes orangotangos foram encontrados desaparecerá, acarretando em uma grave perda de indivíduos. 

Em 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente, o GAP concedeu a Galdikas o diploma de “Defensor da Igualdade”. Para o GAP,  ela é um exemplo de luta e amor pelos grandes primatas. Apesar da idade, ainda resgata orangotangos da morte certa e após um período de residência em um centro de resgate, eles são reintroduzidos, dando um novo sopro de vida para a espécie extremamente ameaçada, entre outros motivos, pela monocultura visando a extração de óleo de palma.

“Para nós é uma grande honra que Biruté Galdikas tenha aceitado ser nossa Presidente de Honra devido a sua grande carreira em defesa dos grandes primatas e especialmente dos orangotangos. Assim como Dian Fossey, com os gorilas, ela liderou estudos “in situ” de conservação do seu habitat. Fossey pagou a defesa dos gorilas da montanha com sua vida e Galdikas permanece na frente, na selva, ajudando com seu trabalho os orangotangos, cujas populações continuam a diminuir”, disse Pedro Pozas Terrados Diretor Executivo do Projeto GAP Espanha.