Notícias

Carta Aberta a Julio Rajneri: “Não condene Toti a morte”

Postado em 22/01/2014

6-toti
Toti (divulgação)

Julio Rajneri é o dono de um Zoológico em Rio Negro, Argentina, onde o chimpanzé Toti, de 13 anos, está atualmente. Toti se encontrava no Zoológico de Córdoba, e foi permutado por um tigre branco no mesmo dia em que o Projeto GAP entrava com um pedido de Habeas Corpus. O Sr. Rajneri, além de ser o dono do Zoológico, é um político e advogado argentino, que já foi ministro em governos anteriores. Num artigo, em seu jornal de Rio Negro, comentando o Habeas Corpus, chegou a reconhecer que o Juiz que o tinha negado estava cientificamente errado, o que motivou a nossa primeira Carta Aberta.

“Infelizmente o senhor não teve a gentileza de responder a nossa Carta Aberta anterior, relacionada com seu comentário sobre o Habeas Corpus impetrado para libertar o chimpanzé Toti, que agora se encontra em seu poder.

Alejandra Juarez, representante do GAP em Argentina, nos tem informado que conversou com o senhor, sem conseguir convencê-lo de dar um tratamento e um destino diferente a Toti, do que já inicialmente tinha projetado.

Como lhe falei em minha carta anterior, Sr. Julio Rajneri, manter Toti nessa vitrine que o senhor construiu, pensando sem fundamento nem experiência de que Toti possa ser feliz lá, é um absurdo se lemos novamente que a matéria que o senhor escreveu em seu jornal, dias atrás, afirmava que o Juiz que negou o Habeas Corpus a Toti estava cientificamente errado.

O trágico disto é que o senhor, reconhecendo que os chimpanzés têm uma proximidade com os humanos muito grande, possa considerar que qualquer ser inteligente, social, que tem 99,4% de nosso DNA humano, possa ser feliz numa vitrine dessa, assediado pelo público, que não conhece as características desse Hominoide primitivo. É praticamente o mesmo que colocar um ser humano primitivo numa cápsula de vidro para ser contemplado por seus iguais.

Lhe digo, sinceramente, acreditando que o que o senhor escreveu estava convencido, não me conformo de tentar entender como o senhor insiste em condenar um chimpanzé jovem, já perturbado, porém ainda recuperável, a essa vida sem futuro, isolado de seus semelhantes.

Novamente, lhe faço o pedido que reconsidere sua decisão. Não acho que o senhor está disposto a carregar em sua consciência, de ser colocado no mesmo grupo de outros donos de zoológicos no mundo, na categoria de um abusador e explorador de animais. O senhor tem um passado a zelar e um futuro para cuidar, não se misture com aqueles na Humanidade que não se importam com a vida de inocentes que não têm como se defender. NÃO CONDENE TOTI A UMA MORTE PREMATURA EM VIDA!

Atenciosamente,

Dr. Pedro A. Ynterian

Presidente, Projeto GAP Internacional”

Assine a petição:

http://www.change.org/es/peticiones/julio-rajneri-que-el-chimpances-toti-sea-transferido-al-santuario-de-chimpances-de-sorocaba-brasil-que-no-sea-mantenido-en-el-zoologico-de-bulbalco?share_id=szNjnYfTsm&utm_source=share_petition&utm_medium=email&utm_campaign=petition_invitation

Notícia relacionada:

http://www.projetogap.org.br/noticia/polemica-na-argentina-quem-ganhou-na-troca-2/

Imagens de Toti em Rio Negro:


Toti y Ale (3) Toti y Ale (2) Toti y Ale (1) Toti en Rio Negro (7) Toti en Rio Negro (6) Toti en Rio Negro (5) Toti en Rio Negro (4) Toti en Rio Negro (3) Toti en Rio Negro (2) Toti en Rio Negro (1) Toti y Ale (4)