Notícias

Ajude a resgatar Joanna e Rikita

Postado em 20/04/2018


Joanna (PASA)

Todo dia é um pesadelo

Todas as manhãs, Joanna acorda no canto escuro e úmido de uma gaiola em Angola. O chão de sua prisão está cheio de garrafas de plástico velhas e lixo que foram coletados ao longo dos anos.

Ela olha para além da malha de metal de sua gaiola um cenário que nunca muda. Quando as pessoas passam, ela coloca uma mão desesperada através das barras da gaiola, implorando por restos de comida ou goles de água. Ela olha ansiosamente para as árvores que crescem perto da prisão – árvores que ela nunca escalará.

Esta é a existência de Joanna, hora após hora, dia após dia, ano após ano – trancada em uma cela bárbara de cimento há mais de 12 anos.

Rikita está presa também.

Sua gaiola é um pouco além da de Joanna, mas elas nunca se vêem. Em vez disso, elas são mantidas em isolamento. Vítimas da crise da carne de caça, Rikita e Joanna eram apenas bebês quando suas mães foram abatidas por carne. Ambas foram vendidas como animais de estimação. Agora, grandes demais para serem manuseadas, eles estão trancadas em jaulas e nunca podem sair.

Mais de 17 chimpanzés estão sofrendo

Agora, a PASA – Aliança dos Santuários Pan Africanos está trabalhando para resgatar Rikita e Joanna e levá-las para um santuário o mais rápido possível. São duas dos mais de 17 chimpanzés que a organização está tentando tirar, urgentemente, de situações horríveis.

Assim como Rikita e Joanna, outros chimpanzés passaram quase toda a sua vida como animais de estimação ilegais com correntes em volta do pescoço ou em gaiolas sujas e apertadas, muitas vezes sofrendo de desnutrição.

Esta é a maior operação de resgate já realizada pela PASA, que não pode fazer isso sem você. Além dos custos de transporte, Rikita, Joanna e outros chimpanzés precisarão de tratamento médico para os ferimentos e doenças que sofrem. Esses animais precisam desesperadamente de sua ajuda agora.

Esse resgate é um grande desafio, mas se não salvarmos Joanna e Rikita, elas nunca conhecerão a liberdade. Elas viverão o resto de suas vidas sem nunca escalar uma árvore, sem nunca sentir o sol em sua pele ou a grama em seus pés. Nós não podemos virar as costas para elas agora.

Você é sua única esperança. Você vai doar hoje para libertá-los desta prisão?